29 de dez de 2012

Um Conceito atualizado de Teologia Leiga


O Doutor em Teologia, professor Francisco Catão dentro do livro Teologia Leiga, Esperança e Desafios publicado pela Editora Paulinas, traz um conceito sobre Teologia Leiga para os cristãos leigos e leigas.
Catão define a Teologia Leiga “como sendo uma teologia que parte da experiência pessoal e comunitária dos cristãos que vivem no mundo, embebidos da cultura de seu tempo e empenhados em traduzir na prática cotidiana, privada e pública o espírito do Evangelho, guiada, contudo, no seu trabalho, pela tradição em seu amplo Sentido”.
Porém o Francisco Catão alerta para dois desafios na compreensão da Teologia Leiga. O primeiro consiste em perceber onde encontrar uma vida autenticamente cristã em meio a um mundo pluralista de hoje e o segundo desafio está em como achar a melhor forma de diálogo e articulação junto ao clero.
O autor lembra que estes desafios serão “resolvidos” a partir do momento em que haja centros ou escolas que visem o desenvolvimento do pensamento teológico leigo onde possa encontrar alternativas e instrumentos adequados para que a reflexão cristã faça-se ouvir na problemática atual da cultura e da sociedade sem perder a espiritualidade do seguimento de Jesus através da docilidade do Espírito.
“A articulação de pessoas que tenham um pensamento teológico leigo pode vir a ser um instrumento de inculturação da fé no mundo contemporâneo”, afirma Catão.
Com isto poderíamos caracterizar a Teologia Leiga como a busca da inteligibilidade do ser e do agir dos cristãos, pessoas e comunidades dentro da atual cultura que o mundo apresenta.
Fazer Teologia é apelar para a fé no amor de Deus para com todas as pessoas, onde esta contenha na sua fonte a experiência cristã.
Com este pensamento podemos entender que os cristãos leigos e leigas expressam a presença de Igreja no mundo e a presença do mundo na Igreja, o que reafirma o propósito da Conferencia de Santo Domingo no qual os cristãos leigos e leigas são os protagonistas da missão da Igreja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário